Um roteiro de feiras de moda no Rio de Janeiro

Babilônia Feira Hype. Foto: I Hate Flash
A Babilônia Feira Hype é a mais tradicional e badalada feira de moda do Rio. Foto: I Hate Flash

No Rio de Janeiro, a criatividade fervilha. Não é à toa que, nos últimos anos, a cidade tem visto pipocar feiras que reúnem novos estilistas, designers e criadores de roupas, sapatos e acessórios, fazendo circular suas criações e desenvolvendo a economia local, longe dos grandes shoppings. As feiras de moda no Rio de Janeiro estão com tudo1

Praticamente todo fim de semana é possível encontrar alguma delas em ação pela cidade. Aqui, você fica por dentro de um roteiro com as mais badaladas feiras de moda em atividade no Rio.

Babilônia Feira Hype

A feira de moda no Rio de Janeiro que é pioneira na cidade no formato que mistura moda, arte, design, decoração, e gastronomia, a Babilônia Feira Hype completou 20 anos em 2016 como a maior vitrine para novos criadores do Rio. Suas edições chegam a reunir até 150 expositores, que produzem desde bijuterias e itens de decoração moderninhos a roupas de grifes em ascenção na moda carioca. É a mais tradicional e, por isso mesmo, a mais badalada.

Todas as marcas passam por uma curadoria e só são selecionadas as consideradas mais criativas e originais. Grifes que hoje são referência nacional, como Farm e Reserva, começaram suas carreiras expondo lá.

Novos expoentes da música e da gastronomia também têm seu espaço. Cada edição conta com uma programação de pocket shows e DJs, além de um espaço gastronômico. O evento geralmente tem entrada gratuita, feira de food trucks e cervejas especiais.

Saiba mais e acompanhe a programação na página do evento no Facebook.

Na Lapa, o Mercado Mistureba acontece todo primeiro sábado do mês. Foto: Mercado Mistureba Facebook

Mercado Mistureba

Todo primeiro sábado do mês, o Mercado Mistureba reúne mais de 50 novos criadores na Lapa. Há dez anos na ativa, o evento se propõe a servir de incubadora para novos designers de roupas, sapatos e acessórios, para crianças e adultos. Uma feira de moda no Rio de Janeiro bem tradicional.

Por ter essa pegada de incentivar marcas ainda desconhecidas, o evento é um bom lugar para descobrir coisas diferentes e os preços costumam ser mais em conta do que em outras feiras. E ainda dá pra fazer programinha casado com a Feira Rio Antigo, na Rua do Lavradio, logo ao lado, que acontece sempre no mesmo dia.

A atual sede do Mercado Mistureba é a Choperia Brazooka, na Rua Mem de Sá, e o evento acontece das 11h às 18h, no primeiro sábado de cada mês.

Saiba mais e acompanhe a programação na página do evento no Facebook.

O Cluster é a mais descolada entre as feiras de moda da cidade. Foto: I Hate Flash

O Cluster

Há alguns anos, a moderninha feira O Cluster surgiu dando uma renovada no filão das feiras de moda e gastronomia. A proposta é viabilizar negócios entre artistas, designers, estilistas e consumidores, com uma pegada mais cool, explorando locais até então pouco conhecidos da cidade, e logo se transformou em um dos eventos mais descolados do Rio, lançando tendências.

Suas edições reúnem cerca de 30 marcas e designers e cerca de dez produtores de comidinhas – de docinhos a pratos mais elaborados, como massas e ceviches. DJs badalados do momento também marcam presença fazendo a trilha sonora dos eventos, que sempre têm alguma atração diferente.

Saiba mais e acompanhe a programação na página do evento no Facebook.

O Mercado ocupa o belo Salão Nobre do Fluminense. Foto: Estilistas Independentes Facebook

O Mercado – Estilistas independentes

O espírito colaborativo é a principal característica d’O Mercado, que reúne criadores independentes, estimulando a profissionalização de novas marcas. Lá, você compra diretamente de quem produz.

A feira acontece, em média, a cada dois meses e conta com cerca de 100 expositores, com produtos originais em moda, acessórios, craft, gastronomia, design e arte. Tem uma variedade bacana de produtos e cada edição tem um tema diferente – como o universo Nerd – e a ideia é que as marcas se inspirem de alguma forma na temática, que acompanha também a programação do evento com palestras, oficinas e música.

Sua atual sede é o belíssimo Salão Nobre do Clube Fluminense, em Laranjeiras, dando um charme a mais para o evento, que já tem um clima mais tranquilo e despojado que os demais.

Saiba mais e acompanhe a programação na página do evento no Facebook.

A Carioquíssima reúne marcas que são a cara do Rio. Foto: Márcia Quinhões – Facebook

Carioquíssima

Nascida em 2014, a Carioquíssima alterna as feiras de moda e design com edições “Gourmet”, mais focadas na gastronomia. Sua versão mais fashion ruma para a sexta edição, que acontece sempre no Planetário da Gávea.

A ideia da Carioquíssima é apresentar ao grande público a produção dos novos designers cariocas, apresentando o que há de novidade na indústria criativa do Rio. Os expositores passam por uma curadoria, variando de uma edição para outra. Originalidade e criatividade são premissas básicas para participar.

A última edição contou 75 marcas, entre moda, craft, decoração, design, gastronomia e até customização de bicicletas, em que o espírito carioca impera.

Saiba mais e acompanhe a programação na página do evento no Facebook.

Descontos de marcas cariocas já estabelecidas são atrativos do Circuito Moda Carioca. Foto: Facebook

Circuito Moda Carioca

Maior feira de moda no Rio de Janeiro, na Zona Norte da cidade, o Circuito Moda Carioca tem uma pegada um pouco diferente das outras feiras: é mais dedicada ao varejo e tem nos descontos – de até 70% – seu maior atrativo.

A feira acontece no Solar do Centro de convenções SulAmerica.  Com entrada gratuita, reúne mais de 80 marcas, de moda praia a sapatos, entre elas grifes cariocas mais estabelecidas – como Afghan, Complexo B, Armadillo e Via Mia – a preço de fábrica.

O evento conta também com palestras e oficinas relacionadas a moda, comidinhas, shows e exposições.

E você, conhece alguma feira de moda no Rio de Janeiro?

Saiba mais e acompanhe a programação na página do evento no Facebook.

 

Curtiu? Leia mais aqui:

PAR: Vintage shopping em Paris – onde e o que comprar em brechós parisienses

LON: Comprando sapatos em Londres

Siga Almost Locals no Instagram
Não perca nenhum post Almost Locals no Twitter
Acompanhe a página Almost Locals no Facebook

Comments

comments

Tags desse artigo
Escrito por
More from Erika Azevedo

Cinco motivos para visitar o Cadeg, o mercado municipal do Rio de Janeiro

Originalmente um centro de distribuição de produtos para lojas e restaurantes da...
Leia Mais