Réveillon: Brasil tem o melhor ano novo do mundo

Alguns sonham em passar o Réveillon em Nova York. Outros estão com um desejo incontrolável de pegar o avião e passar o ano novo em Paris. Para quem curte calor, Tailândia ou Caribe também dão aquela vontade de ir para bem longe para se despedir do ano horrível que passou.

Pare. Apenas páre de achar que a grama do vizinho é mais verde. Porque quando o assunto é réveillon, o Brasil tem a festa de ano novo mais legal do mundo. Então, por que você tá planejando pegar o avião e ir para outro país para passar o réveillon? Vamos ver se a gente te convence do contrário…

A vibe

No Brasil, se alguém acordar de um coma no dia 31 de dezembro, não precisaria perguntar em que dia está. A gente sente logo de cara a atmosfera diferente no ar durante o réveillon no Brasil. Estão todos ultra excitados, a cozinha cheia de gente preparando mil coisas, gente conversando por que esse ano vai vestir uma calcinha de cor X, quais são as melhores mandingas para um ano melhor, o barulho dos fogos de artifício que nunca pára…

Agora corta e vai para a Europa. Você anda pelos bairros e parece um dia como qualquer outro. Frio nas ruas, pouca gente nas mesmas. Dá meia noite e se você estiver conversando distraído com alguém sem olhar para o relógio, dá meia-noite e ninguém percebe. Troço chato para caramba.

O calorzinho

A gente cresce vendo imagens de Papai Noel na Lapônia e de crianças em frente a lareiras e não entende nada. Nossas fotos estão mais para um tio suando bicas enquanto come um peru assado, farofa voando porque alguém decidiu comer na frente do ventilador e muito vontade de ficar pelado ao entrar na cozinha apertada, cheia de gente assando coisas no forno e um calor de 55oC. Por isso, natal no frio é aconchegante e gostoso demais.

Mas para o réveillon deste ano, fuja do frio.

Dia 31 de dezembro, dá vontade de sair pelas ruas e sentir o último dia do ano na pele. De colocar uma roupa leve, branca ou bem colorida. De pisar na areia, mergulhar no mar e sentir a energia. De brindar sob o céu colorido de fogos de artifício. Desejar um ano novo para vários desconhecidos nas ruas. Ver o primeiro nascer do sol do ano ao ar livre e fazer promessas boas para os próximos 364 deles. No frio, só dá vontade de ficar no edredom. Para o ano novo começar beeeem animado #not.

Deu meia-noite, as ruas esvaziam. Foto: Flickr Anthony Quintano
Deu meia-noite, as ruas esvaziam. Foto: Flickr Anthony Quintano

No frio, esqueça disso tudo. Todo mundo está dentro de uma festa fechada. Em muitos países, não dá nem para abrir a janela, de tanto frio que faz lá fora. A festa de ano novo geralmente é dentro de casa. Depois  da meia-noite, todo mundo vai direto para o metrô para procurar uma boate. Deprê.

A emoção

No ano novo no Brasil, a gente realmente acha que o ano novo vai dar aquele reset geral na vida. Abraçamos e beijamos quem a gente gosta por muitos minutos, gritamos juntos coisas do tipo ¨Esse ano vai ser nosso, esse ano vai ser do caralho!¨. Lembramos os bons momentos, fazemos promessas, choramos, nos jogamos no mar…

É um sentimento que não dá para explicar. E não existe em nenhum lugar do mundo, te garantimos.

Dá para ver que a noite de réveillon em Paris é animada...#not. Flickr: Pyonko Omeyama
Dá para ver que a noite de réveillon nas ruas em Paris é animada…#not. Flickr: Pyonko Omeyama

Por que seu plano de réveillon fora do Brasil pode ser uma roubada

Réveillon em Nova York na Times Square. Passar ano novo em Paris na Champs Elysées. Ouvir ao vivo as badaladas do Big Ben em Londres para saudar o ano novo. É tudo uma cilada, Bino!

Primeiro que faz o maior frio, então ficar ao ar livre é uma idéia furadíssima. Segundo porque vai estar tudo muito lotado. E finalmente, a maioria das pessoas estará com uma cara de ¨que diabos eu estou fazendo aqui?¨ e por isso, enchem a cara para esquecer do frio e do ano ruim. O problema é que o povo lá fora não tem uma vibe bêbado-alegre como no réveillon no Brasil, o que deixa a atmosfera da festa meio pesada.

Passar o ano novo no centro de Londres no Big Ben, por exemplo, lembra a ¨animação¨ de um enterro: o sino soa muito solenemente, enquanto TODOS estão em silêncio escutando o mesmo. Tremendo de frio, lógico. Acabou o sino, a polícia manda todo mundo pegar o metrô e ir embora do centro da cidade. Ficou empolgado para ir agora??

Ano novo em Londres ou cortejo fúnebre? Foto: Flickr S Pakhrin
Ano novo em Londres ou cortejo fúnebre? Foto: Flickr S Pakhrin

Como ninguém aguenta ficar muito tempo do lado de fora, o lance é ir para uma boate depois da meia noite. Porém, a programação e as festas são como em qualquer noite do ano, com a diferença que tudo fica mais caro. Um dos planos mais sem graça para um ano novo.

Parece a festa de réveillon ideal para quem vai gastar pelo menos 2000 euros em uma viagem, não?

Mas e a América do Sul? É aqui do lado, faz calor também…

Se seu plano é relaxar na praia, por que você vai sair do Brasil? Vamos repetir a pergunta: se você quer passar o ano novo numa praia paradisíaca, com amigos, boa comida e uma vibe contagiante, o que você vai fazer em outro país do mundo??? Se você achar uma praia bonita na Argentina, Chile ou Peru, volta para contar para a gente, tá?

Fora do Brasil, ninguém se veste de branco. Ninguém leva flores para Iemanjá. Ninguém chora de emoção porque é ano novo. Então, sossegue esse fogo, poupe as milhas e passe seu réveillon no melhor lugar do mundo para essa festa: o Brasil!

Réveillon 2017
Foto: Flickr Porto Bay Events

Você concorda que o réveillon no Brasil é o melhor do mundo? Quais são os melhores lugares para passar ano novo no Brasil? Onde você vai passar a virada? Só para deixar nossas Almost Locals na Europa morrendo de inveja!

Quer saber mais sobre o Réveillon pelo mundo com as Almost Locals?

Natal e ano novo em Paris, por que você deve evitar

Réveillon em Lisboa: o que esperar desta noite?

Guia do ano novo em Berlim

Passar o fim de ano em Nova York é roubada?

Coisas que você precisa saber antes de passar o réveillon em Copacabana

Foto de destaque: Flickr Porto Bay Hotels

Comments

comments

More from Sarah Oliveira

Morar em Londres: Londres é contra o Brexit

Essa semana, o Reino Unido foi às urnas para votar se ficava...
Leia Mais