Lisboa em outubro: como curtir o início do outono na cidade

O Tejo, o Cristo Rei e a 25 de Abril. Foto: Flávia Motta / Almost Locals

Chega outubro em Lisboa e o verão vai se tornando uma lembrança distante: os eventos ao ar livre vão ficando cada vez mais raros, assim como as festas ao pôr-do-sol. Mas Lisboa indoors também tem seu charme. De exposições a shows e festivais de cinema, a capital portuguesa segue com uma vida cultural pulsante no mês que marca o início de fato do outono. Se você vai estar por Lisboa em outubro, confira nossas dicas do que fazer na cidade.

Clima em Lisboa em outubro

A média histórica de temperaturas no mês de outubro em Lisboa varia entre os 14°C e 22°C. Adicione algumas rajadas de vento e temos a combinação perfeita para você ter sempre à mão um bom casaco na sua temporada pela cidade. Outubro não é época de chuvas, mas o céu pode não estar assim tão azul como se vê nas fotos que nos fazem suspirar por Lisboa (em especial mais para o fim do mês). Mesmo assim, ainda dá para combinar um piquenique no parque e fazer longas caminhadas pelas ruas encantadoras da cidade.

O que colocar na mala para Lisboa

Parque Eduardo VII num dia de outubro. Foto: Flávia Motta / Almost Locals
Parque Eduardo VII num dia de outubro. Foto: Flávia Motta / Almost Locals

O que fazer em outubro em Lisboa

Um dos eventos mais importantes e esperados do mês é o Doc Lisboa, festival de cinema documental que ocupa diversas salas na cidade e tem uma boa programação de festas paralelas. De 19 a 29 de outubro, o Culturgest será o QG do evento, que tem exibições também no Cinema São Jorge, na Cinemateca Portuguesa e no Cine Ideal, entre outras salas. A homenageada da 15ª edição do festival é a realizadora tcheca Věra Chytilová, que ganha intensa retrospectiva. “Grace Jones: Bloodlight and Bami”, documentário sobre a cantora, é um dos filmes em destaque na programação.

Antes do Doc Lisboa, no entanto, Lisboa abre suas principais salas durante dez dias para a Festa do Cinema Francês, de 5 a 15 de outubro. O programa traz 27 pré-estreias de filmes, um ciclo de cinema independente e uma mostra dedicada ao cineasta Jean-Pierre Melville. A mostra percorre ainda outras 11 cidades portuguesas.

Cinema São Jorge, um clássico lisboeta

Documentário 'Grace Jones: Bloodlight and Bami'. Foto: Reprodução
Documentário ‘Grace Jones: Bloodlight and Bami’. Foto: Reprodução

Música: do tradicional ao contemporâneo

A agenda de shows de Lisboa também tem boas atrações. Já no início do mês, no dia 6 de outubro, Branko (ex-Buraka Som Sistema) comanda a Enchufada na Zona no Studio Time Out do Mercado da Ribeira. Kking Kong, Dotorado Pro, Rastronaut e a inglesa Mina são os artistas que o acompanham nesta noite.

No dia 14 de Outubro, a partir das 16 horas, o imponente Salão Nobre da Voz do Operário, acolhe a tribo Fuse para dar início a uma nova temporada das famosas matinês eletrônicas da capital portuguesa. O israelense Guy Gerber fará as honras da casa com seu som que combina eletrônico com música ao vivo, numa produção com pitadas de influência de Joy Division e My Bloody Valentine. Nox, The Slum Vagabunds e Analodjica, da turma da Fuse Records, completam o line-up.

O DJ israelense Guy Gerber. Foto: Reprodução / Vimeo

No fim do mês, a banda francesa Nouvelle Vague faz seu retorno a Lisboa com show no dia 26 de outubro. Já no dia 30 é a vez do Metronomy voltar à cidade para show no Coliseu dos Recreios.

Para os fãs de fado, o projeto Real Fado segue firme ao longo do mês, com sessões semanais em lugares que valem a visita por si só. O fado ocupa o bar de antiguidades Pavilhão Chinês às terças; o Reservatório da Patriarcal (no subsolo da Praça do Príncipe Real) às sextas, e o lobby do Palácio da Embaixada aos domingos.

O que fazer em Lisboa. Descubra o essencial da cidade

Tap room da Musa, em Marvila. Foto: Flávia Motta / Almost Locals
Tap room da Musa, em Marvila. Foto: Flávia Motta / Almost Locals

Entre o vinho e a cerveja

Outubro em Lisboa é um mês animado também para os bons de copo. Já no dia 4, a cervejaria Musa faz a festa de abertura oficial do seu tap room, em Marvila. Diversas atrações musicais vão garantir a animação numa noite de 12 torneiras abertas e muitos petiscos.

E entre os dias 20 a 22 de outubro, um mercado de vinhos e um eventos de cervejas não vão deixar ninguém de boca seca. Pequenos produtores de vinho se reúnem no Campo Pequeno para um mercado com muitas provas e oportunidades de boas compras. Já para os cervejeiros, o The Beer Call vai reunir dezenas de marcas portuguesas e estrangeiras num evento de provas e vários workshops, debates e provas comentadas.

Por dentro de um mercado de vinhos em Lisboa

A atriz e encenadora Sofia de Portugal. Foto: Divulgação
A atriz e encenadora Sofia de Portugal, de ‘Alice no País dos Bordéis’. Foto: Divulgação / Fernando Pina Mendes

Arte para os cinco sentidos

O mês começa com a comemoração de um ano da inauguração do MAAT, o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia. Serão dois dias de celebração em Alcântara, começando no dia 4 com o DJ Moullinex apresentando seu novo trabalho, Hypersex, numa noite de dez horas de festa. No dia 5, o MAAT estará de portas abertas o dia todo,com três novas exposições além das mostras que seguem em cartaz no museu.

No Palácio Nacional da Ajuda, a exposição Materialidade e Metamorfose segue com 85 obras do artista catalão Joan Miró. Inaugurada no Porto, a mostra reúne pinturas, esculturas e outros trabalhos de Miró produzidos entre 1924 e 1981 e é a maior já realizada sobre o artista.

Numa experiência mais, digamos, provocadora, outubro marca a temporada final do espetáculo “Alice no País dos Bordéis”, peça imersiva encenada nos bastidores da Pensão Amor e tem como pano de fundo a proibição da prostituição em Portugal. Para uma experiência ainda mais intensa, há opção de um jantar harmonizado – com vinhos e com a atmosfera da peça. Recomendo fortemente.

Pensão Amor: uma incursão pelo antigo bordel que virou bar trendy em Lisboa

Quer saber mais sobre o que visitar em Lisboa? Entre em contato e saiba como ter um guia de Lisboapersonalizado, com o Almost Locals Experience.

 

Comments

comments

Tags desse artigo
Escrito por
More from Flavia Motta

A Avó Veio Trabalhar: conheça o projeto em Lisboa que dá nova vida à Terceira Idade

Quem passa pelo número 124 da Rua do Poço dos Negros e...
Leia Mais