LIS: Lisboa Faz Música reúne mais de 50 artistas em 9 palcos

Faz Música Lisboa. Foto: Joaquim Ramos / Festas de Lisboa
Faz Música Lisboa. Foto: Joaquim Ramos / Festas de Lisboa

Quando eu escrevi, algumas semanas atrás, que junho era o mês mais animado em Lisboa, não estava exagerando. Não bastassem os muitos arraiais que agitam a cidade até o fim do mês, a programação normal de shows do Out Jazz e os eventos pontuais que são costumeiros na cidade, no sábado Lisboa recebe o Faz Música Lisboa, uma festa que faz parte da francesa Fête de la Musique e que vai oferecer shows de hora em hora com mais de 50 artistas em nove palcos espalhados por diversos bairros. A cereja do bolo? É tudo de graça. Confira abaixo que palco é o seu.

Ribeira das Naus
Tem pouco mais de um ano que esse espaço à beira do Tejo ficou pronto e sendo turista, local ou quase local, a caminhada por ali (com uma devida parada para um drinque) é sempre uma delícia. O tema do sábado é Música do Brasil. Às 16h, Inês Teixeira Lopes é a primeira a entrar em cena. Quem fecha a programação é Nega Jaci, com show às 21h.

Pôr-do-sol na Ribeira das Naus. Foto: Lisboa à Beça
Pôr-do-sol na Ribeira das Naus. Foto: Lisboa à Beça

 

Jardim das Amoreiras
Com o lindíssimo aqueduto lhe fazendo moldura, esse jardim é uma preciosidade. O tema aqui é Lusofonia. António B. abre os trabalhos às 14h e o último show do dia, às 20h, é de Maria João Fura.

Aqueduto no Jardim das Amoreiras. Foto: Câmara Municipal de Lisboa
Aqueduto no Jardim das Amoreiras. Foto: Câmara Municipal de Lisboa

 

Rossio
Seis shows de rock vão agitar o Rossio – como se essa praça supercentral de Lisboa, que praticamente liga a Avenida da Liberdade à Baixa lisboeta, ainda precisasse de mais agito. A programação começa às 17h com Then They Flew e o último show, às 22h, é dos For Pete Sake.

Rossio. Foto: Flávia Motta
Rossio. Foto: Flávia Motta

 

Jardim da Estrela
Em frente à Basílica da Estrela, ponto de paragem do elétrico 28 (entenda aqui porque esse bonde é um charme), esse jardim é uma delícia e a programação de sábado acompanha o clima bucólico, com sete shows de jazz e blues. O primeiro show, da Midnight Club Blues Band, começa às 14h. A partir das 20h, o The Norton’s Project, encerra a festa por lá.

Jardim da Estrela. Foto: Câmara Municipal de Lisboa
Jardim da Estrela. Foto: Câmara Municipal de Lisboa

 

Largo de Camões
Ao pé o Bairro Alto e colado no Chiado, o Largo de Camões é ponto de encontro de pré-night de parte da juventude lisboeta. O tom da festa lá é uma mistura de rock e hip-hop. Serão seis shows, começando às 17h com Vasco Vilhena. Às 22h Los Negros fazem a última apresentação deste palco.

Largo de Camões em dois ângulos. Fotos: Câmara Municipal de Lisboa
Largo de Camões em dois ângulos. Fotos: Câmara Municipal de Lisboa

 

Jardim do Príncipe Real
O Príncipe Real é um agito, reúne alguns dos melhores bares e restaurantes da cidade e algumas das lojas mais bacanas. O jardim não foge ao estilo do bairro e é mesmo um sítio imperdível em Lisboa. Músicas do Mundo vão animar o espaço com quatro shows: Vozes da Lata às 17h30; PHM às 18h45; Sal, Pimenta & Cacau às 20h15; e ZukaTuga às 21h30.

Jardim do Príncipe Real. Foto: Câmara Municipal de Lisboa
Jardim do Príncipe Real. Foto: Câmara Municipal de Lisboa

 

Rua Nova da Piedade: um passeio gastronômico entre o Príncipe Real e o São Bento

Largo de São Paulo
Fica ali ao pé do Cais do Sodré, por trás do Mercado da Ribeira (já falei desse mercado aqui) e é um dos lugares que vem passando por um esforço de revitalização. Numa zona tão boêmia, a programação acompanha o estilo: rock e eletrônico. Às 15h, Escape Plan começa a festa. A partir das 21h vários DJs se revezam nas picapes.

Largo de São Paulo. Foto: Nuno Mourão / Flickr
Largo de São Paulo. Foto: Nuno Mourão / Flickr

 

Estufa Fria
No cantinho do lindo Parque Eduardo VII, a Estufa Fria é um recanto especial de Lisboa, tomado por muito verde. A programação ali é dedicada ao fado. A partir das 17h diversos fadistas se revezam no espaço.

Estufa Fria no Parque Eduardo VII. Foto: Câmara Municipal de Lisboa
Estufa Fria no Parque Eduardo VII. Foto: Câmara Municipal de Lisboa

 

Avenida da Liberdade
A Champs-Elysées lisboeta (e aqui eu estou só reproduzindo o que já ouvi de alguns portugueses, não sem dar uma certa razão a eles) abre espaço para o rock neste sábado. Serão seis shows a partir das 16h. A primeira banda é A Caixa. A última, The Stone Wolf Band, que entra em cena às 21h. O palco fica montado perto da Praça dos Restauradores.

Quiosque na Avenida da Liberdade. Foto: Câmara Municipal de Lisboa
Quiosque na Avenida da Liberdade. Foto: Câmara Municipal de Lisboa

 

A programação completa do Faz Música Lisboa você encontra aqui. Caso prefira, o evento tem um aplicativo ótimo (para Android e iOS) onde é possível ouvir um pouco do trabalho dos artistas que participam e marcar os shows que você quer assistir. Divirta-se!

A foto que abre este post mostra uma edição anterior do Faz Música Lisboa, no Jardim do Príncipe Real, e é de Joaquim Ramos / Festas de Lisboa.

Siga Almost Locals no Instagram
Não perca nenhum post Almost Locals no Twitter
Acompanhe a página Almost Locals no Facebook

Comments

comments

Tags desse artigo
,
Escrito por
More from Flavia Motta

Conheça a artista que transformou a comida portuguesa em arte

Leslie Wang tem 25 anos, é de Taiwan e anda completamente encantada...
Leia Mais