Agosto em Lisboa é o mês mais quente do ano

Lisboa vista do Castelo. Foto: Flávia Motta / Almost Locals
Lisboa vista do Castelo. Foto: Flávia Motta / Almost Locals

Agosto é sinônimo de férias para os lisboetas. Mal acaba julho e a gente vê montes de pessoas colocando suas malas no bagageiro do carro e partindo para as praias. Bom para quem vai e melhor ainda para quem fica em Lisboa neste mês. O trânsito melhora, há menos correria nas ruas, o sol se põe bem tarde e não falta o que fazer para curtir a cidade. Se você vai estar em agosto em Lisboa, precisa conferir essas dicas.

Três dias em Lisboa: dez coisas que você não pode deixar de fazer

Clima em agosto em Lisboa

Sendo o auge do verão, espere muito sol e nenhuma chuva (embora esse ano o verão esteja um pouco esquisito, convém avisar). Diferentemente do que acontece nos trópicos, verão aqui é sinônimo de tempo seco. Oficialmente as máximas ficam em torno dos 30°C, porém: 1. elas frequentemente passam disso; 2. 30°C no clima seco é bem mais sufocante que num lugar úmido. As manhãs começam frescas, o pico do calor acontece por volta das 16h e à noite a temperatura pode ser até dez graus mais baixa do que no meio da tarde. Por isso, traga roupas leves, sapatos confortáveis (e antiderrapantes, porque as calçadas portuguesas são desafiadoras) e sempre um casaco leve para o vento noturno. E programe-se para pegar pelo menos um dia de sol e mar, porque há muitas praias nos arredores de Lisboa.

O que colocar na mala para Lisboa

As ruas de Lisboa em agosto

Não se surpreenda se você esbarrar com mais turistas do que locais, mesmo nos bairros mais distantes do ‘fervo’. Agosto é a época em que os lisboetas vão se embora para as praias e até o trânsito fica bom (tipo janeiro no Brasil). Muitos restaurantes e comércios pequenos aproveitam a ‘baixa temporada’ na cidade e fecham as portas para um mês de férias – alguns até aproveitam para fazer reformas. Por isso, se você programou férias de agosto em Lisboa, tenha um plano B para aquele restaurante tão recomendado, porque ele pode estar fechado. Entre os que costumam estar na lista do turista brasileiro, o Solar dos Presuntos e o Zé da Mouraria são alguns que frequentemente tiram férias no mês de agosto.

Rio Maravilha: um gastrobar cheio de borogodó em Lisboa

Brunch Electronik 2017. Foto: Divulgação / Brunch Electronik
Brunch Electronik 2017. Foto: Divulgação / Brunch Electronik

Agenda cultural de agosto em Lisboa

Mas não é porque alguns comércios vão de férias, que a cidade para. Longe disso. O bom tempo convida a curtir Lisboa ao ar livre, em eventos abertos ou fechados. Festas, shows e outras programações vão ocupar seu verão na cidade.

Brunch Electronik

Pelo quarto ano consecutivo a Tapada da Ajuda recebe a domingueira mais animada da cidade. A cada semana uma série de DJs comanda uma pista em meio ao verde do parque – sempre das 14h às 22h; porque o evento é family-friendly e porque muita gente ainda trabalha às segundas, mesmo em agosto. Neste mês, Dave Clark e Dekmental Sound System estão entre os headliners. Confira a programação completa aqui.

OutJazz

Se no Brunch Electronik, a ideia é bombar na pista, no OutJazz o clima é mais tranquilo. Outro evento já tradicional em Lisboa na temporada de verão, ele acontece sempre aos domingos a partir das 17h. A tarde começa com uma apresentação de jazz e segue com DJ até as 21h. Em agosto o OutJazz ocupa o charmoso Jardim da Estrela. Veja a programação de agosto aqui.

Festas do Mar

São dez dias de shows gratuitos na Baía de Cascais, de 17 a 26 de agosto, sempre a partir das 20h30. A programação é maciçamente portuguesa e traz atrações comoAntónio Zambujo, Carolina Deslandes e Pedro Abrunhosa. Para quem curte manifestações populares, há uma procissão de barcos em honra de Nossa Senhora dos Navegantes no dia 26, às 15h. A programação completa está aqui.

Jardim das Oliveiras do CCB. Foto: Flávia Motta / Almost Locals
Jardim das Oliveiras do CCB. Foto: Flávia Motta / Almost Locals

Escher

Um dos artistas mais pop que a Holanda já produziu ganhou uma exposição no Museu de Arte Popular em Lisboa que perfaz sua trajetória em 160 obras e mostra toda a sua habilidade em conjugar arte e ciência de forma a extrapolar seu trabalho para além do universo das telas. A mostra fez tanto sucesso que, acabaria em maio, mas foi prorrogada até 16 de setembro de 2018. As informações sobre horário de funcionamento e preços de ingressos estão aqui.

CCB de Verão

Conhecido pela programação cultural impecável, o Centro Cultural Belém também tem seu especial de verão: de quinta a domingo, as áreas externas do espaço recebem shows e exibições de filmes. O jazz ocupa o bonito Jardim das Oliveiras a partir das 18h toda quarta e sexta-feira e a partir das 19h todo sábado e domingo. A programação completa pode ser conferida aqui.

Retrato de Escher na exposição. Foto: Reprodução
Retrato de Escher na exposição. Foto: Reprodução

O que mais fazer em agosto em Lisboa

Um dos melhores lugares para conferir a programação da cidade é o site da Time Out Lisboa. A seção Coisas para Fazer tem sempre boas dicas.

Outro site que costuma estar em cima das novidades da cidade é o New in Town.

A Agenda Cultural Lisboa, editada pela Câmara Municipal, é também uma boa fonte de informação para eventos.

Mas, para mim, a melhor forma de ficar por dentro dos eventos em Lisboa é pelo Facebook mesmo. Na seção de eventos, em ‘descobrir’, você pode definir data e localização e ver tudo o que rola na cidade quando estiver por aqui (é preciso estar logado para abrir esse link).

Divirta-se e volte sempre. 🙂

Comments

comments

Tags desse artigo
Escrito por
More from Flavia Motta

Uma galeria de arte para você se sentir em casa, em Lisboa

Uma das coisas mais interessantes de Lisboa é o encontro do novo...
Leia Mais